Translation to Portuguese language
Posted: 26 March 2007 12:46 AM   [ Ignore ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

Well, I just discovered that I’m not the only one translating texts from Focus Fusion Society website to Portuguese!

I found this: http://z-fusion.net/spip/spip.php?article43

It’s a translation of the article “Fusion World” to Portuguese. It’s inside a website about Z-pinch fusion…

Very good! Less work to me!

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile
 
 
Posted: 24 March 2007 03:38 PM   [ Ignore ]   [ # 1 ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

Hello,

my name is Dante, I

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile
 
 
Posted: 24 March 2007 03:42 PM   [ Ignore ]   [ # 2 ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

Just as a beggining, I had translated to portuguse the presentation in the main home page of the website:


Focus Fusion Society
(Sociedade da Fus

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile
 
 
Posted: 29 March 2007 04:58 PM   [ Ignore ]   [ # 3 ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

Okay, I translated the Welcome page of Focus Fusion Society website to portuguese.

Here is this:

Bem-vindo � Focus Fusion Society

Bem-vindo ao recanto da Focus Fusion Society na web!

� A crise energ�tica �pegou� voc�?

� Voc� est� preocupado com o aquecimento global, a economia, a �guerra por petr�leo�?

� N�o gosta de ser chamado a escolher entre preservar o �rtico ou construir reatores nucleares?

� Voc� gostaria de viver em um mundo com energia ilimitada, limpa, segura e barata, com prosperidade e abund�ncia para todos?


Se voc� respondeu �sim� a essas perguntas, ent�o voc� deve saber que existe uma nova solu��o para esses problemas, chamada “Fus�o de Foco” (�Focus Fusion�).

O objetivo da Focus Fusion Society � tornar o sonho da energia ilimitada, barata, limpa e segura da Fus�o Nuclear em uma realidade pr�tica, fazer isso HOJE, e assegurar que essa tecnologia ser� disponibilizada para toda a humanidade. 

N�s iremos perseguir esse objetivo desenvolvendo o Dispositivo de Foco de Plasma (Plasma Focus Device) para fus�o nuclear com hidrog�nio-boro. Para financiar a pesquisa necess�ria, iremos angariar fundos a partir do p�blico em geral, e publicizar a necessidade de financiamento governamental da pesquisa visada para desenvolver essa fonte de energia ideal.


N�s pensamos que:

� a fus�o de hidrog�nio-boro � a �Energia do Presente�

� o Dispositivo de Foco de Plasma (Plasma Focus Device) � o meio pr�tico para aproveitar a fus�o de hidrog�nio-boro; e

� com sua ajuda n�s podemos construir o Dispositivo de Foco de Plasma (Plasma Focus Device), provar que essa fus�o funciona, e impulsionar a humanidade a uma nova era.

Nossa confian�a � baseada em um s�lido trabalho t�orico e em experimentos que alcan�aram temperaturas de mais de um bilh�o de graus.

O desenvolvimento bem-sucedido da Energia de Fus�o de Foco (Focus Fusion) ir�:

� eliminar a destrui��o ambiental causada pelo uso de combust�vel f�ssil

� reduzir as emiss�es globais de carbono e consequentemente, o aquecimento global

� livrar a economia mundial da carga esmagadora dos altos pre�os da energia

� eliminar as guerras cont�nuas visando a manuten��o do controle dos recursos petrol�feros

� dar a todos gera��o de energia descentralizada, em pequena escala,  eliminando o controle das grandes corpora��es sobre a energia

� prover a energia barata necess�ria para eliminar a pobreza no mundo

� tornar poss�vel um novo sistema de propuls�o espacial,  que ir� baratear e acelerar radicalmente a explora��o espacial

� livrar o mundo de fontes de energia do s�culo 19 e prover energia do Terceiro Mil�nio

� para mais discuss�es sobre o que a Fus�o Nuclear pode fazer pelo mundo, veja nossa p�gina sobre �Mundo da Fus�o�

D� uma volta nesse website, e esteja seguro para fazer hist�ria apoiando as pesquisas em Fus�o Nuclear.  Al�m de contribui��es financeiras, n�s tamb�m damos boas vindas a sua resposta a esse website. Por favor nos avise de qualquer erro, verifique nossas ocorr�ncias, avise-nos sobre links relevantes. S�o bem-vindas as suas opini�es e artigos relacionados ao impacto de uma transi��o para a Fus�o em nosso mundo. Por favor nos contate com suas id�ias e constribui��es.

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile
 
 
Posted: 31 March 2007 09:38 AM   [ Ignore ]   [ # 4 ]
Administrator
Avatar
RankRankRank
Total Posts:  59
Joined  2006-03-07

Thanks (obligado?) for your efforts!  Keep it up.  I’m still thinking about how to organize the database for multiple languages.  At some point we’ll incorporate it into the website proper.

Profile
 
 
Posted: 01 April 2007 10:10 AM   [ Ignore ]   [ # 5 ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

And now, a translation of the Focus Fusion Reactor webpage:

Reator de Fus�o de Foco (Focus Fusion)

=  Dispositivo de foco de plasma + combust�vel de Hidrog�nio-Boro

Reatores de Fus�o de Foco (Focus Fusion) - reatores que usam combust�vel de hidrog�nio-boro e o dispositivo de foco de plasma denso � s�o esperados que possam prover quantidades praticamente ilimitadas de energia barata, de uma maneira ambientalmente sadia.

O Foco de Plasma Denso (Dense Plasma Focus, DPF) � Hist�ria e design

O Dense Plasma Focus - DPF (em portugu�s: Foco de Plasma Denso) � um dispositivo que vem sendo usado em pesquisas nos �ltimos 40 anos. Foi inventado em 1964 e � utilizado em muitos tipos de pesquisas.  Mais sobre a hist�ria do DPF e da Focus Fusion

O dispositivo de foco de plasma consiste de dois eletrodos cil�ndricos de cobre ou ber�lio aninhados um dentro do outro. O eletrodo externo tem geralmente n�o mais do que 6-7 polegadas de di�metro e 30 cm de comprimento. Os eletrodos s�o fechados em uma c�mara de v�cuo com um g�s de baixa press�o (o combust�vel da rea��o) preenchendo o espa�o entre eles. O dispositivo de foco de plasma � mostrado na figura abaixo (Imagem criada por Glenn Millam).

[Here goes the image]
[Here goes the image]
[Here goes the image]
[Here goes the image]

O G�s usado no DPF: combust�vel de Hidrog�nio-Boro

Note que o g�s que n�s planejamos usar no DPF � uma mistura de Hidrog�nio e Boro. Para mais informa��es sobre esse combust�vel para uma rea��o de Fus�o, veja nossa discuss�o sobre Deut�rio-Tr�tio vs. Hidrog�nio-Boro. Para uma explana��o dos passos da pesquisa necess�ria para o uso desse tipo de combust�vel com o DPF, veja nosso projeto de pesquisa, especificamente a se��o sobre testes experimentais e coleta de dados.

Como o Foco de Plasma pode ser usado para produzir energia l�quida (saldo energ�tico positivo) em uma rea��o de Fus�o.

Um pulso de eletricidade vindo de um banco de capacitores (um dispositivo de armazenamento de energia) � descarregado atrav�s dos eletrodos. Por uns poucos milion�simos de segundo, uma corrente intensa flui do eletrodo externo para o interno, atrav�s do g�s. Essa corrente come�a a aquecer o g�s e cria um intenso campo magn�tico. Guiada por seu pr�prio campo magn�tico, a corrente molda-se a si mesma em uma fina bainha de filamentos min�sculos; pequenos redemoinhos de um g�s quente, condutor de eletricidade, chamado plasma. Uma imagem desses filamentos de plasma � mostrada abaixo junto com um desenho esquem�tico. Outra imagem de um �ngulo diferente � exibida do cabe�alho dessa p�gina e descrita aqui.

[Here go the images]
[Here go the images]
[Here go the images]
[Here go the images]

Esta bainha viaja at� a extremidade do eletrodo interno onde o campo magn�tico produzido pelas correntes comprime e torce o plasma em uma esfera min�scula, densa, de apenas alguns mil�simos de polegadas de di�metro, chamada de plasm�ide. Tudo isso acontece sem ser guiado por �m�s externos.

Os campos magn�ticos entram em colapso muito rapidamente, e estes campos magn�ticos em mudan�a induzem um campo el�trico que causa com que um feixe de el�trons flua em uma dire��o, e um feixe de �ons (�tomos que perderam el�trons), na outra. O feixe de el�trons aquece o plasm�ide, desse modo dando igni��o a rea��es de Fus�o Nuclear que adicionam mais energia ao plasm�ide. Ent�o, no final, os feixes de �ons e de el�trons cont�m mais energia do que a que foi introduzida pela corrente el�trica original.

Como a energia pode ser transformada diretamente em eletricidade.

Aqueles feixes de part�culas carregadas s�o direcionados at� �desaceleradores de part�culas� que atuam como aceleradores de part�culas ao contr�rio. Ao inv�s de usar eletricidade para acelerar part�culas carregadas, eles desaceleram part�culas carregadas e geram eletricidade. Uma parte dessa eletricidade � reciclada para dar energia ao pr�ximo pulso de Fus�o, enquanto o excesso, a energia l�quida, � a eletricidade produzida pela Usina de Fus�o Nuclear. Para mais explica��es sobre a gera��o de eletricidade clique aqui.

(continues…)

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile
 
 
Posted: 01 April 2007 10:15 AM   [ Ignore ]   [ # 6 ]
Newbie
Avatar
Rank
Total Posts:  6
Joined  2007-03-24

...the conclusion:

Conclus�o

Como explicado em nossa p�gina �Fus�o convencional vs. Focus Fusion�, a Focus fusion � o �nico m�todo conhecido que pode conseguir a fus�o do hidrog�nio-boro. Ela tem tamb�m outras vantagens sobre os reatores de fus�o de deut�rio-tr�tio baseados na arquitetura tokamak. Os reatores de Focus Fusion ser�o muito menos caros para uma mesma quantidade de energia. Reatores tokamak geram eletricidade fervendo a �gua, para abastecer um gerador movido a uma turbina de vapor (n�utrons de alta energia fornecem o calor.) Esse � o mesmo m�todo que � usado nas termoel�tricas a carv�o e nas usinas nucleares de fiss�o. A �nica diferen�a � a fonte de calor.

Em uma termoel�trica a carv�o, o gerador a vapor, com turbina, � a parte mais cara da usina, ent�o mudar a fonte de calor n�o ir� resultar em uma grande economia. Esse m�todo de gera��o de eletricidade � limitado tamb�m pelos limites fundamentais de efici�ncia dos mecanismos baseados em aquecimento de �gua. Reatores de Focus Fusion n�o requerem um mecanismo para aquecer �gua. Eles geram eletricidade diretamente. No fim das contas, eletricidade n�o passa de part�culas carregadas em movimento. Os desaceleradores de part�culas em um reator de Focus fusion meramente transferem a eletricidade dos feixes de part�culas carregadas para um fio condutor. Esse processo n�o enfrenta os limites de efici�ncia dos mecanismos de aquecimento.

Um reator de Focus Fusion dever� estar habilitado para gerar, de forma econ�mica, energia em quantidades t�o pequenas como 20 MW, com instala��es do tamanho de uma garagem para dois carros. Isso significa que eles ser�o �teis para abastecer vilarejos isolados no Terceiro Mundo onde as redes el�tricas regionais n�o s�o bem desenvolvidas. E em pa�ses desenvolvidos a energia de focus fusion pode ser gerada perto de onde vai ser usada, para reduzir as perdas na transmiss�o, e pode ser propriedade das comunidades, servindo para reduzir a depend�ncia dos mercados especulativos de energia.

 Signature 

Dante Vasconcelos Meira, from Fortaleza, Brazil

Profile